A Região Metropolitana do Cariri é o lugar onde abriga um dos maiores polos ecológicos do país. Sua culinária, música e religião oferecem uma visão fascinante sobre o passado desse território e de sua herança cultural. A região fica ao sul do Ceará e faz divisa com os Estados de Pernambuco, Piauí e Paraíba.

A sua maior extensão é composta por 29 municípios, e por causa da sua localização privilegiada, é caracterizada pela cultura, expressões artísticas e religiosas. Devido a fatores climáticos e turísticos por exemplo, a Região Metropolitana do Cariri é formada pelas cidades centrais: Juazeiro do Norte, Barbalha e Crato, estes são municípios que a cada dia crescem em termos de população, economia, educação, setor imobiliário entre outros.

Foto_reisado mostra cariri_16-11-15

 

BELEZA E FERTILIDADE

As terras férteis da região do Cariri eram habitadas por tribos indígenas denominados “Kariris”, termo de onde foi batizada. Com a divisão e doação das primeiras sesmarias da região, em meados do século XVIII, houve a chegada dos primeiros colonizadores que vinham principalmente da Bahia e de Sergipe. Nesse processo, aos poucos, os índios foram sendo expulsos. Na esperança de encontrar jazidas de metais preciosos, em 1756 os colonizadores fundaram a Companhia do Ouro das Minas de São José dos Cariris, buscando a exploração da localidade em que hoje está situada a cidade de Missão Velha. Com a expulsão do povo nativo e a necessidade de mão-de-obra para o trabalho nas minas, deu-se a chegada dos escravos negros na região. Gradativamente a corrida pelo ouro foi dando lugar ao cultivo da cana de açúcar e foi essa atividade agrícola que deu o grande salto para o desenvolvimento. Houve formação de povoados e catequização promovida pelos padres jesuítas nas comunidades que hoje são sedes de diversos municípios.

Resultado de imagem para cariri cearense natureza

css.php